Eu sou Nádia Campos, Psicóloga graduada pela Universidade de Uberaba, com Formação em Terapia Comunitária pela Interface/SP.
Meu trabalho sempre esteve ligado a área social e comunitária, o que me possibilitou adquirir uma boa experiência no atendimento psicoterápico, devido à diversidade dos "casos" atendidos.  Hoje trabalho no atendimento às pessoas que por algum motivo estão impossibilitados de se encaminharem a alguma clínica de psicologia, trabalho este denominado Home Care, ou seja, trabalho com  o Atendimento Psicológico Domiciliar, e paralelamente a este realizo Grupos de Terapia Comunitária.

34-3261-1666
34-9665-5330
Email:
nadiacamp@yahoo.com.br

"...muitos de nós se desiludem da realidade,considerando-a cruel,mas o que não percebem é que são nossos sonhos ideológicos e fanTasiosos que apagam a beleza da realidade..."

 

 

Livros:

Porque escolhi você? Autor: Steve Biddulph e Shaaron Biddulph


Quem me roubou de mim? Autor: Pe. Fabio de Melo

  - 21/03/2010 a 27/03/2010
-
24/01/2010 a 30/01/2010
-
10/01/2010 a 16/01/2010
-
03/01/2010 a 09/01/2010
-
27/12/2009 a 02/01/2010
-
13/12/2009 a 19/12/2009
-
06/12/2009 a 12/12/2009
-
29/11/2009 a 05/12/2009
-
15/11/2009 a 21/11/2009
-
08/11/2009 a 14/11/2009
-
25/10/2009 a 31/10/2009
-
11/10/2009 a 17/10/2009
-
04/10/2009 a 10/10/2009
-
20/09/2009 a 26/09/2009
-
13/09/2009 a 19/09/2009
-
06/09/2009 a 12/09/2009
-
30/08/2009 a 05/09/2009
-
23/08/2009 a 29/08/2009
-
09/08/2009 a 15/08/2009
-
02/08/2009 a 08/08/2009
-
26/07/2009 a 01/08/2009

     

 



O que eu quero experimentar em 2010?

Por Luiza Lopes

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Avaliar e refletir sobre o resultado do ano de 2009, perceber o saldo que restou desses 365 dias que nos foi concedido pela existência é uma prática comum que acontece entre as pessoas neste momento de passagem de ano.

 

Fazer esse balanço é avaliar os prós e contras, os pontos positivos e não positivos, os ganhos e aprendizados que tivemos no decorrer deste ano que se finda.

 

Saber onde estamos e assumir responsabilidade sobre as nossas escolhas é o primeiro passo antes de traçarmos as próximas metas. Onde estamos hoje é conseqüência das escolhas que fizemos anteriormente. A partir dessa avaliação cuidadosa é importante saber onde quero chegar qual o resultado que pretendo ter em 2010.

 

Posso planejar o próximo ano, traçar e me alinhar com metas certas e ousadas com a certeza que posso conquistá-las. Alinhamento pessoal significa estar em concordância com um objetivo e trabalhar em direção a ele . Quando estamos incertos de nossas direções e objetivos, tendemos a agir de modo desalinhado e não chegamos a lugar nenhum.

 

Aprender a se perguntar: “Onde estou hoje?”, “Para onde estou indo?”, “O que eu faço me leva aos meus objetivos ou me distancia deles?” Implica em ampliar a percepção de si mesmo e perceber o resultado de suas ações. Se não estou feliz com o resultado que estou obtendo, devo mudar o que estou fazendo.

 

Deixar claro para sua mente o que você quer, clarear o Estado Desejado, definir onde você quer chegar é uma forma de fazer um sonho virar realidade. Caso contrário continuaremos repetindo as mesmas coisas e obtendo os mesmos resultados insatisfatórios.

 

Nossas escolhas podem sempre ser revitalizadas. Colocar a atenção no foco e perceber os recursos internos necessários para atingir a meta, ao invés de avaliar somente a situação externa, nos leva a nutrir o nosso propósito.

 

Lançar mão das nossas qualidades internas. Estar em contato com nossa auto confiança, determinação e força trará certamente mais encorajamento e competência para atingirmos nossas conquistas e realizações. Quando não contamos com esses recursos, desconectamos de nossa força interna e enfraquecemos nossa meta.

 

Experimente se perguntar: “Onde está minha atenção?”, “Eu estou dando importância ao que realmente é importante?”, “Isso me leva lá ou me tira do caminho? Para lidar com a pressão externa é importante focar nossa força interna e lembrar que tudo que precisamos para ser feliz nós já temos. A mesma força que nos faz sonhar poderá ser canalizada para a realização do sonho.

 

É importante equilibrar a razão e a emoção. Da mesma forma que um passarinho não voa com uma asa só, nós precisamos do Q.I, Quociente intelectual e do Q.E Quociente Emocional, para darmos sentido ao nosso viver. A razão (Q.I), o avaliar os recursos externos, calcular, fazer conta é tão importante quanto o sonhar (Q.E) investir no nosso lado intuitivo, dar asas à imaginação e acreditar. Isso é essencial.

 

Procure abraçar o seu verdadeiro querer. Permita-se sonhar e sonhe alto. Muitas vezes, as respostas que buscamos fora de nós estão dentro, na nossa fonte criativa e amorosa.

 

Tudo que foi criado pelo homem, um dia foi sonhado, imaginado por ele.

 

Quando aprendemos a focar o nosso ideal, nos sentimos confiantes, abrimos um caminho de oportunidades para o sucesso . A nossa maior dificuldade na vida não é atingir nossas metas e sim, defini-las. Saber com clareza o que queremos internamente e colocar a atenção neste foco, caminhar em direção a ele e manter uma crença fortalecedora de merecimento, é uma habilidade que pode ser desenvolvida.

 

Faça a sua parte!

Construa o 2010 que você quer e merece

e eu vou procurar fazer o mesmo.

SEJA FELIZ!!